sexta-feira, 2 de junho de 2017

Meu Carinho

Eu não tenho opção
Quando você fala a minha língua
E usa a sua

Fico sem escolha
Quando você abre esse sorriso
E depois elogia o meu

Cadê a minha alternativa?
Quando mesmo de longe se faz presente
Depois me presenteia com sua presença

Não vai ter jeito
Vou te beijar muito ainda nessa vida
Não coloque a culpa em mim

Nenhum comentário:

Postar um comentário