quarta-feira, 14 de março de 2018

Menino

Quero escrever o meu nome na tua pele
E decorar os redemoinhos do teu cabelo
Quero o meu cheiro na tua cama
E o teu gosto no céu da minha boca

Quero o doce de bolacha
O óleo de massagem
O ventilador que não dá conta

O "bom dia, boa tarde, boa noite"
Quero ser a visita
Que não cansas de receber

Nenhum comentário:

Postar um comentário